Clockwork Angels

Tradução: Anjos Mecânicos

THE PLACE I HAD MOST WANTED TO SEE – Chronos Square, at the heart of Crown City. I had seen many images of the city before, and Chronos Square, but nothing could convey its immensity – the heaven-reaching towers of the Cathedral of the Timekeepers, or the radiant glory of the Angels – Land, Sea, Sky, and Light – bathed in the brilliant glow of the floating globes.

High above the city square
Globes of light float in mid-air
Higher still, against the night
Clockwork angels bathed in light

You promise every treasure, to the foolish and the wise
Goddesses of mystery, spirits in disguise
Every pleasure, we bow and close our eyes
Clockwork angels, promise every prize

Clockwork angels, spread their arms and sing
Synchronized and graceful, they move like living things
Goddesses of Light, of Sea and Sky and Land
Clockwork angels, the people raise their hands –
As if to fly

All around the city square
Power shimmers in the air
People gazing up with love
To those angels high above

Celestial machinery – move through your commands
Goddesses of mystery, so delicate and so grand
Moved to worship, we bow and
close our eyes
Clockwork angels, promise every prize

“Lean not upon your own understanding
Ignorance is well and truly blessed
Trust in perfect love, and perfect planning
Everything will turn out for the best”

Stars aglow like scattered sparks
Span the sky in clockwork arcs
Hint at more than we can see
Spiritual machinery

O LUGAR QUE EU MAIS QUERIA VER – Chronos Square, no coração de Crown City. Eu já havia visto muitas imagens da cidade antes, e da Chronos Square, mas nada poderia transmitir sua imensidão – as torres arranha-céu da Catedral dos Cronômetros, ou a glória radiante dos Anjos – Terra, Mar, Céu e Luz – banhados pelo brilho cintilante dos globos flutuantes.

Bem acima da praça da cidade
Globos de luz flutuam no ar
Ainda mais altos, contra a noite
Anjos mecânicos banhados em luz

Você promete cada tesouro, para os tolos e os sábios
Deusas do mistério, espíritos disfarçados
Todo o prazer, nos curvamos e fechamos os olhos
Anjos mecânicos, prometem todas as recompensas

Anjos mecânicos, abrem seus braços e cantam
Sincronizados e graciosos, se movem como seres vivos
Deusas da Luz, do Mar, do Céu e da Terra
Anjos mecânicos, as pessoas levantam suas mãos – como se fossem voar

Tudo em torno da praça da cidade
Reluz energia no ar
As pessoas olham com amor
Para aqueles anjos lá em cima

Maquinaria celestial – se move por seus comandos
Deusas do mistério, tão delicadas e grandiosas
Movidas para serem adoradas, nos curvamos e
fechamos os olhos
Anjos mecânicos, prometem todas as recompensas

“Não te estribes no teu próprio entendimento
A ignorância é boa e verdadeiramente abençoada
Confie no amor perfeito, e no plano perfeito
Tudo será para o melhor”

Estrelas brilhando como centelhas dispersas
Abrangem o céu em arcos mecânicos
Sugerem mais do que podemos ver
Maquinaria espiritual